Pesquisar no Blog

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Qual Raça de Porquinho da Índia combina comigo?

Antes de avaliar qual a raça de Porquinho da Índia combina com você, veja primeiro se ele é o seu tipo de bichinho Clicando Aqui.


No Brasil temos diversas raças de porquinhos, embora a mais conhecida seja o Pêlo Curto Inglês, também  existem variedades de pelo médio (abissínio, angorá, teddy) , longos ( Peruanos, Shelties, Coronets ) e encaracolados ( Texel, Alpaca, Merino). 


Provavelmente você já tem uma em mente, mas antes de comprar só pela aparência, vamos escolher a raça ideal para seu estilo de vida  pois não adianta escolher por impulso ou pela aparência, ele tem que combinar com você para que ambos sejam felizes!


Se resiste a essa ideia, imagine que você é louco por cavalos mas mora em um apartamento, não tem sítio ou onde por o cavalo... vai adquirir o cavalo ainda assim? nem você será feliz com o trabalho q terá e nem o cavalo por n estar no ambiente propício.

Todo Porquinho da Índia tem um perfil de dono ideal, saiba agora onde você se enquadra:

Pelo Curto, Abssínio e Ridgeback:


Bom para:

1- Quem n tem costume em criar animais (nunca criou ou tem pouca experiência em criar bichos ex: no máximo um ou 2 cães).
2- Quem está na dúvida se gostará de ter um porquinho ou a raça.
3- Quem tem menos dinheiro disponível para gastar com tratamentos veterinários.
4-Quem dispõe de menos tempo para se dedicar a "aparência" do porquinho.
5-Se o dono for uma criança.


Motivo:

1- - Porquinhos da índia necessitam de observação constante para notar as mudanças comportamentais que indicam doenças,um dono experiente as notará com maior facilidade, donos de 1 viagem costumam ficar bem paranóicos no início, ou são surpreendidos muitas vezes com a morte do porquinho que para ele " aconteceu do nada e sem motivo". Adquira o mais resistente e se surpreenderá em escala reduzida
.
2- Porquinhos de pêlo curto são mais fáceis de achar, possuem preços mais acessíveis (voccê ainda gastará bastante com os acessórios) e são mais ativos, isso significa que você o verá brincar mais, ele interagirá mais, o que fará vc se encantar mais rápido, além do que o trabalho é menor o que contribui para que vc goste ainda mais dele!!. E caso no futuro você desista, pelo menos n gastou uma fortuna com um porquinho, esperou meses até seu nascimento ou chegada e ainda sairá falando mal dele.


3- O pêlo curto é o porquinho mais resistente a doenças, os erro de manejo não serão tão decisivos para a saúde do mesmo, podendo ser corrigidos posteriormente. Dessa forma vc economizará em tratamentos.

4- Porquinhos de pelo curto estão sempre arrumados e fofos, você n precisa escovar semanalmente a pelagem, e raramente ele necessitará de um banho. N se engane, os lindos porcos onde os pelos dobram ao chão, são escovados e banhados freqüentemente pois o pelo longo molha na urina, suja nas fezes e outras sujeiras, embolam e se você n cuida ele ainda pega problema de pele.



Lembre-se que a criança sempre precisará de monitoramento com os cuidados do Porquinho.Quando se dá um porquinho a uma criança a responsabilidade e custos é do adulto e não da criança!!


Pelos longos (Angorás, Peruanos, Shelties, Alpacas, Coronets, Merino, Texel).

Bom para:

1- Quem deseja um porquinho com aparência diferente que despertará atenção.

2-Tem tempo disponível para cuidar pessoalmente do porquinho notando todas as peculiaridades do animalzinho ex: cor do xixi, som do grito, formato das fezes, quantidade que come e bebe, do que gosta e n gosta, perdeu peso/ engordou, ou está simplesmente parado demais etc.

3- Quem adora coisas peludas e acha que escovar a pelagem ,secar com secador etc é uma terapia e se dispõe a fazer várias vezes na semana. Não ligando se o bumbum estiver sempre molhadinho ou cheirando a urina.

4- Quem prefere um porquinho mais quieto para ficar deitado no colo e ver televisão.

5-Quem dispõe de veterinários de exóticos na cidade e dinheiro extra para usar na saúde do porquinho em maior número de vezes .

6-Adolescentes maiores de 14 anos e adultos.

7-De preferência a pessoa seja experiente na criação com animais ou já tenha tido ou tenha um porquinho da índia há algum tempo.


Motivos:


6- Adolescentes mais velhos e adultos tem um maior senso de responsabilidade, e porquinhos peludos por serem mais frágeis necessitarão de maior cuidado e observação,o jovem ou adulto já possui consciência que aquela mudança no comportamento é séria e merece atenção.



 Não é bom para:


-Locais ou cidades que fazem muito calor pois os peludos são ainda mais sensíveis, morrem mesmo!!


Tabela Comparativa de Raças*

 Atenção: Somente as Raças que eu ( Cidade dos Porquinhos) crio ou já criei estão avaliadas na Tabela segundo minha experiência.

Observem que o custo de manutenção está diretamente relacionado com o grau de saúde e  o trabalho da pelagem. É bem lógico quando se pensa que com a saúde mais frágil você gastará mais com a alimentação, veterinários e medicamentos além de produtos específicos para os pêlos nos que tem a Pelagem mais trabalhosa.

*Esta tabela refere-se a média geral  das raças que comparei, a amostra de estudo é referente  aos animais do meu caviário durante todos os anos de minha criação ( 2002-2011). Como todo estudo comparativo existe um desvio padrão, pois alguns indivíduos possuem pelagem , comportamento e  resistência diferenciados dos da maioria. 

Agora que você já sabe que pode criar um Porquinho da Índia e qual raça mais combina com seu estilo, vamos escolher qual o sexo e a quantidade!.( breve link).

Conheça as raças que a Cidade dos Porquinhos cria Clicando Aqui.


Gostou desse post? indique aos seus amigos na rede social correspondente e Clique no +1 para indicá-lo ao Google e torná-lo mais fácil de achar.  

Basta clicar nos ícones abaixo.

Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...